Início » Você sabe o que é um inversor Grid Tie?

Você sabe o que é um inversor Grid Tie?

por Alessandra Neris

O inversor Grid Tie é o mesmo que o inversor ON GRID. Ele foi projetado especialmente para uso em sistemas fotovoltaicos conectados diretamente à rede elétrica. Com ele, toda a eletricidade de corrente contínua produzida nos módulos solares é convertida em corrente alternada para as residências ou empresas, na tensão adequada.

Como funciona o sistema Grid Tie ou ON GRID?

Esse sistema opera na produção de energia ao mesmo tempo que abastece a rede elétrica, uma vez que está acoplado à rede. Dessa forma, é possível usufruir da energia produzida pelos painéis solares e ao mesmo tempo usufruir da energia das concessionárias em períodos noturnos ou quando está nublado.

O sistema Grid Tie ou ON GRID permite o abastecimento em mais de um local, favorecendo outros consumidores na mesma rede, de maneira conectada. Mas o principal benefício é a redução da conta de energia em até 95% e geração de créditos de energia quando ela não é usada.

Qual é a principal característica desse inversor?

Sua principal característica é interligar-se à rede concessionária, por meio de um oscilador. Esse equipamento sincroniza sua frequência em Hz e a tensão de saída em V com a rede. O inversor também atua desconectando-se da rede quando ela deixa de abastecer, devido a reparos, desligamentos ou falhas na rede.Simplificando, o Grid Tie ou ON GRID é inteligente, já que transforma e sincroniza a energia produzida nos módulos com a energia da rede distribuidora.

Com isso, você usa energia elétrica para suprir todas as suas necessidades, além disso, o inversor garante a segurança. De que forma? Quando a rede elétrica da concessionária não está abastecendo e desliga o sistema fotovoltaico da rede. Isso serve para evitar acidentes, por exemplo: caso ocorra um apagão e alguém esteja trabalhando na rede naquele momento.

Quais são as tecnologias do inversor Grid Tie?

Suas principais tecnologias disponíveis abrangem transformadores de baixa frequência, transformadores de alta frequência e até sem transformadores (transformerless grid tie inverter). Assim, é interessante saber que os transformadores de alta frequência usam um processo computadorizado de multipassos, envolvendo conversão da energia de alta frequência de AC.

Na sequência, retorna para DC e, depois, para a tensão de saída AC final. Essa sequência substitui a conversão da corrente contínua diretamente para 220V monofasico ou trifásico.Quanto aos inversores sem transformador, esses são mais eficientes e leves que os Grid Tie com transformadores.

Dados técnicos dos inversores Grid Tie

Os fabricantesde inversores costumam publucar dados técnicos sobre os variados modelos de inversores. As terminologias e o conteúdo variam conforme a marca, porém, no geral, a folha de dados contém:

Corrente máxima de entrada: é a máxima quantidade de corrente contínua que o inversor Grid Tie é capaz de receber.

Corrente máxima de saída: é a máxima quantidade de corrente alternada que o inversor Grid Tie fornece.

Potência nominal de saída (Rated Output Power)

É um valor fornecido em Watts ou KiloWatts, que é a potência máxima de saída;

Tensão de saída (Output Voltage)

Indica o tipo de tensão de rede na qual se deve conectar o inversor Grid Tie. Os menores (para uso residencial) têm tensão de saída de 220V. Em indústrias, normalmente, se usa inversores com saída trifásica de 380V;

Eficiência máxima (Peak Efficiency)

Sua eficiência máxima aponta a mais alta eficiência que o inversor Grid Tie é capaz de atingir. A maioria deles tem eficiência de 94% ou 95%. Isso significa que até 6% da energia gerada pelos módulos é perdida duranto o processo de inversão de CC para CA. Então, é importante não adquirir um inversor Grid Tie com eficiência máxima inferior a 94%, pois, sua qualidade é baixa.

Eficiência EU ou CEC

Esses valores de eficiência são medidos por laboratórios da Europa ou da Califórnia (EUA) e seus resultados estão mais próximos da nossa realidade. Assim, representa a eficiência do inversor Grid Tie em condições reais de locais com calor e umidade.

Quantidade de MPPT

O MPPT tem a função de maximizar o desempenho do inversor. Caso os painéis sejam instalados em dois locais diferentes, o inversor deve ter 2 MPPTs para que o sistema funcione adequadamente.

Faixa de MPPT

Esse dado representa a faixa de tensão de entrada em CC em que o inversor Grid Tie opera. Por isso, quem projeta o sistema fotovoltaico precisa configurar as strings para que sua tensão permaneça dentro da faixa na maior parte do tempo.Convém frisar que existe variação da faixa de MPPT de inversor para inversor. Então, para que o sistema fotovoltaico ofereça um bom desempenho, as strings devem ser dimensionadas próximas da tensão máxima de entrada em CC.

Grau de proteção

Grau de IP é um padrão internacional definido pela norma IEC 60529, que classifica e avalia o grau de proteção contra poeira, água do inversor Grid Tie e contato acidental. A maior parte deles é classificada para instalação ao ar livre com IP45, ou seja, sem proteção contra poeira, ou IP65, à prova de poeira.Assim sendo, os inversores que são instalados na parte externa de empresas ou casas, devem apresentar grau IP65 de proteção. Caso eles não comportem esse grau de proteção, a recomendação é que sejam instalados em lugares com proteção contra chuva e poeira.

Sistemas OFF GRID

É oportuno citar aqui, os sistemas degeração de energia solar OFF GRID para efeito de esclarecimento sobre sua utilização. São sistemas sem conexão com a rede pública de energia, o que libera o usuário da conta de luz. Um conjunto de baterias estacionárias armazenam o excesso de energia gerado pelas placas fotovoltaicas. Inversores elétricos preparam essa energia para utilização a qualquer momento, alimentando o que for necessário, mesmo em épocas em que o sistema não gera energia.

Assim, já existem sistemas de comunicação e até de iluminação em rodovias alimentados por sistemas OFF GRID. Esse equipamento é mais conhecido por abastecer locais ermos ou sem energia elétrica da rede concessionária. São também os moradores de fazendas e sítios, onde a rede de distribuição não chega. Mas, sua utilidade não se restringe a esses lugares.

OFF GRID: economia no meio urbano

O sistema OFF-GRID é util para levar energia e desenvolvimento a áreas isoladas. No entanto, esse sistema de geração de energia também pode beneficiar clientes que necessitam desistema de backup. Isso porque esse consumidor não pode conviver com a interrupção ou oscilação de energia.

Em geral, são residências ou comércios que recebem energia convencional com baixa qualidade ou que estão no fim de rede. Entre eles destacamos: residências, clínicas de vacinação, equipamentos médicos, empreendimentos que necessitem de refrigeração para armazenamento de produtos e até empresas de TI ou call centers. Se beneficiam, também, empresas de segurança e monitoramento cujos sistemas de Circuito Fechado de TV não podem parar de funcionar. Assim, o sistema OFF-GRID também é útil no meio urbano.

Conforme podemos perceber, os equipamentos de energia solar fotovoltaica evoluem a cada dia que passa. E, sua utilidade se estende aos mais variados segmentos e tipos de necessidade. Então, você não pode ficar fora dessa nova onda de inovação. Aproveite para conhecer mais sobre fontes renováveis de energia!

Compartilhe:
0 comentários

Notícias relacionadas

Deixe um comentário