fbpx
Home Empreendedorismo Planejamento financeiro é vital para as PMEs

Planejamento financeiro é vital para as PMEs

por Alessandra Neris
Tempo de leitura: 6 Minutos

Você sabe o que é planejamento financeiro de fato?

A princípio é um ato de zelo pela saúde dos negócios, sua viabilidade e durabilidade. Por isso, para que a sua empresa prospere, é preciso saber gerenciar a disponibilidade financeira e a capacidade de gerar recursos. Um bom planejamento financeiro, portanto, coordena, orienta e controla todos os passos da empresa para atingir seus objetivos.

Neste post, falaremos sobre sua importância em face do surgimento de um número expressivo de novos negócios durante a pandemia. E um dos motivos é a alta do desemprego.

Aumento do desemprego

Os níveis de desemprego no país estão muito preocupantes. Com a chegada da pandemia, o que já estava crítico, ficou ainda pior e muita gente perdeu o emprego formal. Assim, a taxa média de desempregados subiu para 13,5% – a maior desde o início da série pelo IBGE em 2012.

Segundo a PNAD Contínua (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios), em 2021 a taxa de 14,7% teve uma pequena queda para 14,1% no segundo trimestre. As razões apontam, então, para os avanços da vacinação, que permitem um retorno gradativo das atividades presenciais.

Novos empreendedores na pandemia

Com a persistência da pandemia e os empregos desaparecendo, muita gente abriu seu próprio negócio. Isso decorre da necessidade de conseguir uma renda ou aproveitar para colocar um antigo projeto em prática. Contudo, muitos não se preparam corretamente. Daí a necessidade de desenvolver um bom planejamento financeiro.

Recorde de novas empresas

E, segundo um estudo do Sebrae, mais de 2 milhões de micro e pequenas empresas foram abertas no país, no primeiro semestre de 2021.  Esse número foi 35% além do registrado no mesmo período em 2020. Em relação a 2015 foi mais que o dobro.

Dados da Receita Federal revelaram um aumento em torno de 33% no número de microempreendedores no comparando o primeiro semestre de 2021 com o mesmo período em 2020. Já, a abertura das micro e pequenas empresas subiu 46%.

Novos empregos formais

No Brasil, historicamente, após períodos de graves crises, a presença de micro e pequenas empresas é essencial para a retomada da economia. Isso contribui para a rápida criação de novos empregos e para o crescimento econômico. Dados do Sebrae baseados no Caged, indicam que no acumulado do primeiro semestre de 2021, foram criados mais de 1,8 milhão de novos empregos formais. E, as micro e pequenas empresas respondem por 70% das vagas.

seja-revendedor-aldo-solar

Empreender pode ser desafiador

A sobrevivência das novas empresas é fundamental nesse ambiente e depende de um bom planejamento financeiro. No entanto, em um país cheio de instabilidades, empreender com pouco incentivo é desafiador, ainda mais, em meio a essa crise sanitária. Sem falar que o improviso e o descontrole financeiro, na hora de conduzir um negócio, são ameaças constantes.

Em 2020, o Sebrae realizou uma pesquisa. Nela foi constatado que a taxa de fechamento de micro e pequenas empresas, antes dos cinco anos de atividade, é de aproximadamente:

  • Microempreendedores individuais: 29%;
  • Microempresas (ME): 22%;
  • Empresas de pequeno porte (EPP): 17%.

Por isso, é tão importante compreender toda a dinâmica de um planejamento financeiro, a fim de auxiliar na condução dos negócios. E, da mesma forma, reduzir ou suprimir problemas financeiros recorrentes.

Planejamento financeiro e planejamento orçamentário

Primeiramente, é importante entender que um planejamento começa com a definição de objetivos de um negócio, determinando o que é relevante, entre outros elementos. A partir disso, deve ser estabelecido um plano para concretizá-los. Assim, dentro desse conceito, estão inseridos o planejamento orçamentário e o planejamento financeiro.

Planejamento orçamentário

Trata-se de uma ferramenta do planejamento como um todo e se baseia em estimativas para controlar as entradas e as saídas de recursos da companhia. Da mesma forma, controla as despesas, receitas, investimentos, custos e financiamentos, atuando como um norte para a empresa, fazendo previsões mensais e anuais.

Planejamento financeiro

Esse tipo de planejamento consiste na manutenção da saúde financeira da empresa, bem como sua viabilidade e longevidade. Portanto, sua execução e continuidade decorre diretamente da capacidade de gerar recursos ou da disponibilidade financeira do negócio.

Importância do planejamento financeiro

A própria definição de planejamento financeiro já fornece a exata compreensão sobre sua importância nos negócios. Por isso, merece toda a atenção de gestores e empreendedores, que devem demandar esforços especiais para sua elaboração. Seu processo começa pelos planos financeiros estratégicos ou de longo prazo. São eles que orientam a formulação de orçamentos e planos operacionais ou de curto prazo. Sendo assim, esses últimos respondem pela implementação dos objetivos de longo prazo ou estratégicos.

Assim, para que um planejamento financeiro seja bom, é preciso fornecer informações atualizadas e confiáveis. Para tanto, um controle financeiro alimentado diariamente é fundamental. Com isso, os gestores conseguem acompanhar a situação financeira da organização em tempo real, identificando problemas ou falhas no planejamento.

Demonstrativos contábeis

Uma das medidas essenciais, nesse processo, é a manutenção da contabilidade atualizada a fim de possibilitar o uso das informações existentes nos demonstrativos. E, as informações financeiras podem ser extraídas dos demonstrativos contábeis: balanço patrimonial, da demonstração do fluxo de caixa, da demonstração do resultado do exercício, entre outros.

Empresas estruturas com um planejamento financeiro coeso têm mais chances de atrair interessados no negócio, investidores ou sócios. Podem ter mais acesso a linhas de crédito melhores e garantir o crescimento alinhado às expectativas do negócio.

É importante destacar que o planejamento financeiro não afasta os riscos inerentes aos negócios, mas aumentam as condições de prevenção de erros. Além disso, torna-se possível lidar melhor com incertezas, desviar de improvisos e ausência de recursos para operação e expansão e projetar cenários.

Erros financeiros comuns em micro e pequenas empresas

Todo negócio está sujeito a erros, por isso, é importante aprender com eles como forma de evitar sua repetição. Portanto, atente para os que mais impactam os resultados e podem comprometer a sobrevivência dos negócios;

  • Falta de planejamento financeiro;
  • Ausência de conhecimento ou de capacitação em gestão;
  • Inexistência de controle financeiro ou controle insuficiente;
  • Misturar as despesas da empresa com as despesas pessoais;
  • Planejar em desajuste com a realidade financeira do negócio;
  • Propor metas financeiras inalcançáveis em curto prazo ou em longo prazo;
  • Esquecer ou abandonar repetidamente o que foi planejado;
  • Deixar de revisar o que foi planejado com uma frequência determinada;
  • Modificar o planejamento sem embasamento em informações financeiras e demonstrativos;
  • Não manter um histórico de planejamentos anteriores;
  • Ausência de comunicação entre planejadores e executores;
  • Ignorar ou subestimar os erros cometidos em vez de usá-los como aprendizado.

Como fazer um bom planejamento financeiro?

A seguir, elencamos alguns dos mais importantes aspectos para se considerar durante a elaboração de um planejamento financeiro de sucesso para o seu negócio:

  • Providenciar um orçamento financeiro anual detalhado e baseado em informações atualizadas e confiáveis;
  • Relacionar todas as despesas e obrigações atuais e futuras;
  • Elencar todas as receitas recebidas e a receber;
  • Manter um controle financeiro rigoroso;
  • Determinar metas financeiras de curto e longo prazo, conforme a realidade financeira a empresa;
  • Verificar a necessidade de buscar recursos, capitais próprios e de terceiros;
  • Projetar cenários financeiros otimistas e pessimistas, identificando as possíveis decisões nessas situações;
  • Usar ferramentas de controle financeiro compatíveis com as necessidades da empresa (planilhas, aplicativos e outros).

Planejamento financeiro = SUCESSO!

É muito importante perceber que, ao introduzir o hábito do planejamento financeiro minucioso dentro da sua empresa, você terá mais chances de controle e sucesso. Com isso, as eventuais incertezas e mudanças poderão ser minimizadas e os problemas mais constantes, podem ser contornados com mais eficiência.

A força que vem do sol

Por fim, conheça mais sobre energia solar e comece agora mesmo a traçar o seu plano de ação para aderir a essa fonte renovável. Por isso, acesse o site da Aldo Solar e confira os produtos.

Caso prefira, entre em contato com nossa equipe de vendas. Se for consumidor final, acesse a CALCULADORA ALDO SOLAR, faça uma simulação do produto e agende uma visita técnica que um revendedor da Aldo irá atendê-lo.

Calculadora Aldo Solar: planejamento financeiro

> Leia também: Como se tornar uma revenda Aldo Solar!

Notícias relacionadas

Leave feedback about this