fbpx
Home Energia Solar Gigantes se unem para impulsionar o carro elétrico no Brasil

Gigantes se unem para impulsionar o carro elétrico no Brasil

por Alessandra Neris
Tempo de leitura: 5 Minutos

Os carros elétricos se popularizam cada vez mais pelo mundo e andam lado a lado com o futuro da mobilidade. Assim, atentas à transição energética esperada para os próximos anos, a Tesla e as maiores montadoras do mundo investem bilhões de dólares para desenvolver esses veículos. Aqui no Brasil, há uma desarticulação para promover a implementação dos veículos elétricos, o que dificulta a transição do sistema poluente para o sustentável. Isso torna o processo mais custoso e demorado. No entanto, gigantes como a 99 e outras oito empresas se unem para impulsionar o carro elétrico no Brasil.

Carros elétricos ou carregadores?

Muitos interessados nesse mercado se debatem sem a certeza de qual deve ser a ordem de entrada no mercado. São os carros elétricos que chegam antes, atuando como estímulo para a instalação da infraestrutura exigida para o carregamento dos veículos, ou deveria ser o contrário? Primeiro os pontos de recarga para depois vender os veículos?

> Leia mais: Uso de energia solar e eletromobilidade traz benefícios imbatíveis

Possível solução para o dilema

Diante desse impasse, na última segunda-feira, dia 25 de abril, aconteceu a reunião a Aliança pela Mobilidade Sustentável. A finalidade do encontro foi incentivar a produção para impulsionar o carro elétrico no Brasil. Além disso, pretende-se definir a infraestrutura necessária para assegurar a possibilidade de que a população rode e recarregue seus veículos sem grandes problemas.

O plano é alinhar diversos pontos como, montadoras, indústrias, locadoras e aplicativos de transporte. Dessa forma, pode ser mais viável impulsionar o desenvolvimento de todo o ecossistema dos veículos elétricos, criando um elo entre as variadas frentes.

Cenário ideal para impulsionar o carro elétrico no Brasil

O objetivo da Aliança pela Mobilidade Sustentável é promover o melhor cenário possível, trazendo os veículos elétricos junto com a estrutura exigida para sua viabilidade. Sendo assim, uma das metas é aumentar a participação dos carros elétricos em meio aos novos carros para 10% das vendas, até 2025. Hoje, esse índice está em 2%.

A outra finalidade é disponibilizar 10 mil estações públicas de carregamento por todo o país, até o mesmo ano (2025). E isso significa um impulso e tanto perto dos atuais 1,5 mil postos de recarga. Com isso, se torna mais viável impulsionar o carro elétrico no Brasil.

> Leia mais: Crescimento de veículos elétricos impulsiona mercado de carregadores

De olho nos utilitários

Aqui no Brasil, como acontece em outros países, os veículos elétricos ficaram muito voltados para o mercado premium. Então, a iniciativa da Aliança incentiva as montadoras a se dedicarem, também, aos carros mais baratos e aos utilitários. E, assim, verificamos um grande potencial de aceleração do mercado de eletrificação da frota.

Estímulo à demanda por elétricos

A 99 pretende estimular seus quase 750 mil motoristas parceiros para fornecimento de escala a fim de impulsionar o carro elétrico no Brasil. Dessa forma, se torna possível negociar melhores margens de custos de produção das montadoras, além de condições mais animadoras para alugar esses veículos.

Com isso, o objetivo da 99 é alcançar emissão zero de carbono até 2030 e obter 100% de sua frota com carros elétricos, por meio de motoristas parceiros. E quando o assunto é voltado aos motoristas de aplicativo, as locadoras assumem grande importância, já que mais de 70% desses condutores alugam os carros que usam.

> 2022 promete! Brasil pode chegar a 100 mil carros elétricos

Envolvimento entre parcerias

Tal iniciativa é motivada pela experiência da controladora da 99, a Didi Chuxing, da China, onde há uma coligação similar. Assim, ela é parceira de mais de 30% de todas as estações de recargas públicas, estimulando a adoção dos veículos elétricos entre os condutores de suas plataformas.

O objetivo final, portanto, é envolver um número cada vez maior de parceiros no decorrer do tempo e impulsionar o carro elétrico no Brasil. A ideia é incentivar todo mundo a aderir à mobilidade elétrica, incluindo o governo, a iniciativa privada e os consumidores.

Aumento da adesão aos veículos elétricos

Os movimentos a favor do aumento da frota elétrica pelo mundo são muitos. A General Motors, recentemente, anunciou um investimento de 35 bilhões de dólares em veículos autônomos e elétricos até 2025. Anunciou, também, uma parceria com a Honda para o projeto de dois SUVs elétricos novos. Já, no Brasil, a Nissan acabou de ampliar sua rede de concessionárias autorizadas para a venda do elétrico Leaf, de 7 para 44 pontos de venda.

> Leia mais: Mobilidade Elétrica: tendências e soluções no Brasil e no mundo

Que tal aderir a um carro elétrico?

Os carros elétricos são a alternativa ideal para driblar a alta dos combustíveis e a eliminação dos gases poluentes emitidos na atmosfera. Apesar dos enormes desafios pelos quais estamos passando, em longo prazo, há uma inevitável tendência global de aderir aos carros elétricos.

Com a deflagração da guerra entre Rússia e Uncrânia, causando muitos transtornos de importação e elevando os preços do petróleo, precisamos de alternativas urgentes. Além disso, é uma chance única de acelerar a transição dos veículos a combustão para os elétricos. Com isso, podemos impulsionar o carro elétrico no Brasil com mais assertividade.

A Aldo Solar na missão de impulsionar o carro elétrico no Brasil

A Aldo Solar apoia a eletromobilidade por entender que é um caminho sem volta, que maximiza os benefícios de sustentabilidade e economia.

São inúmeros os benefícios da energia solar e eletromobilidadeprincipalmente com relação ao baixo investimento dos geradores de energia solar quando comparados aos preços dos carros eletrificados.

Para comprovar esses benefícios, a Aldo possibilita acesso a tecnologias e soluções para impulsionar os veículos eletrificados no Brasil. Um dos exemplos é a garagem solar instalada na sede da Aldo.

1ª garagem solar pública do país

impulsionar o carro elétrico no Brasil

 A garagem foi montada no modelo de carport solar. É uma estrutura construída com painéis fotovoltaicos para cobrir áreas de estacionamento e gerar energia a partir da luz solar. Dessa forma, a solução oferece um ganho duplo. Enquanto protege os veículos do sol, as placas captam a luz solar, convertendo-a em “combustível” para abastecer os carros elétricos ou híbridos.

A garagem fica aberta ao público na sede da Aldo 24 horas por dia, de segunda a domingo, totalmente gratuito. Conta, ainda, com três vagas para abastecimento de carros elétricos.

> Como a energia solar atua na recarga de veículos elétricos?

Soluções da Aldo Solar para impulsionar o carro elétrico no Brasil

impulsionar o carro elétrico no Brasil

Outra solução que promete impulsionar o carro elétrico no Brasil, são os novos geradores fotovoltaicos com estação de recarga, disponíveis na Aldo Solar. Dessa forma, eles chegam ao mercado com a tecnologia avançada dos inversores Growatt e módulos fotovoltaicos da Jinko Solar.

E, para quem já está a caminho da sustentabilidade, os novos modelos geradores fotovoltaicos com estação de recarga para carros elétricos Growatt constituem uma fantástica solução para maximizar ainda mais os benefícios da energia solar com uma estação própria de recarga seja em empresas ou residências.

Tudo isso porque são inúmeros os benefícios gerados pela eletromobilidade somados a geração própria da energia através do sol para subsidiar o consumo do carro elétrico maximizando o ROI com muito mais praticidade, economia e sustentabilidade.

> Aldo lança geradores fotovoltaicos com estação de recarga para veículos eletrificados

A força que vem do sol

Agora que vc. já conhece os esforços de vários setores para impulsionar o carro elétrico no Brasil, conheça mais sobre energia solar. Comece agora mesmo a traçar o seu plano de ação para aderir a essa fonte renovável. Por isso, acesse o site da Aldo Solar e confira os produtos.

Embaixador da Aldo Solar

Caso prefira, entre em contato com nossa equipe de vendas. Se for consumidor final, acesse a CALCULADORA ALDO SOLAR, faça uma simulação do produto e agende uma visita técnica que um revendedor da Aldo irá atendê-lo. Confira também as opções de financiamento da Aldo Solar com a Caixa Econômica Federal!

> Leia também: Como se tornar uma revenda Aldo Solar!

Notícias relacionadas