Início » 7 dicas para turbinar as vendas das revendas do setor solar em 2021

7 dicas para turbinar as vendas das revendas do setor solar em 2021

por Alessandra Neris

O ano de 2020 tem sido especialmente desafiador, principalmente para quem atua no segmento de vendas. A pandemia do novo coronavírus abalou as estruturas de muitas empresas e, por isso, as revendas do setor solar devem se preparar para o próximo ano com algumas medidas estratégicas. Assim elencamos 7 dicas preciosas para as revendas e instaladores turbinarem as vendas no setor solar em 2021.

Para revendas e instaladores que atuam no segmento há alguns anos, o momento é de reinvenção e preparação para o retorno do grande aquecimento do setor solar em 2021.  Que tal acompanhar o post e dar uma conferida?

1. Criar um plano de negócios de longo prazo

Esse resto de ano está propício para dar esse primeiro e importante passo a fim de gerir suas vendas em 2021. Um bom plano de negócio, em longo prazo, é fundamental para reduzir a insegurança diante dos novos desafios que virão. Além disso, planejar ajuda a diminuir a margem de erros ao longo da jornada, aumentando as chances de sucesso de qualquer negócio.

Por isso, é interessante traçar, agora, os objetivos e as metas a serem alcançadas e prever situações de risco que possam aparecer. Todas as circunstâncias possíveis devem ser analisadas antes que surjam na prática, bem como, resolvidas por meio de uma boa estratégia.

Um bom plano de negócio também ajuda a identificar gargalos que passam despercebidos no dia a dia. Assim, oferecem a oportunidade que você precisa para se aperfeiçoar em determinadas especialidades, com o fim de tornar o seu negócio mais consistente. Dessa forma, você pode, ainda, avaliar se uma nova ideia tem potencial para funcionar. Com um plano estabelecido, você pode se preparar melhor para oferecer o seu equipamento de energia solar e prever adversidades.

Quer saber mais? O Seabre oferece o curso “Expansão – a estratégia de crescimento certa para seu negócio”, gratuito e online, composto por 4 módulos. Com certeza vai ser aquele empurrãozinho necessário para sua empresa.

2. Estabelecer metas audaciosas

O estabelecimento de metas faz parte de um plano de trabalho. Você pode determinar algumas mais ousadas, porém possíveis de cumprir e compartilhar com os colaboradores.

É sempre bom lembrar que objetivos limitados também restringem o alcance do sucesso e impõem barreiras mentais impeditivas para um avanço maior. Isso pode se transformar em um círculo vicioso de estagnação. Não deixe que esse tipo de atitude tome conta das suas ações.

A chegada inesperada da pandemia da COVID-19 deixou claro como tudo na vida é imprevisível. Nesse contexto, a palavra “reinventar” se tornou um mantra, que deve ser lembrado e repetido quantas vezes for necessário. Assim, é válido aplicar o método OKR (Objectives and Key Results): “objetivos e resultados-chave”, para definir um objetivo e questionar se você está chegando lá.

Essa metodologia é usada pelo Google e outras grandes companhias. Se você não jogar alto, os resultados atingidos serão sempre inferiores ao que você gostaria de obter. Isso impede o crescimento, a obtenção de lucro ou uma comissão que você poderia alcançar.

Se interessou em conhecer mais sobre OKRs? Aqui você pode conferir o “Curso completo de OKR – Metodologia e prática”, desenvolvido pela Udemy e de baixo custo.

3. Capacitar a área comercial e rever propostas apresentadas aos clientes

A capacitação é um elemento muito importante nos dias de hoje. Antes, pessoas físicas e empresas costumavam passar anos trabalhando da mesma forma, sem que isso afetasse seus negócios de forma significativa. Hoje, a vida está cada dia mais acelerada e as novidades saltam à nossa frente o tempo todo.

Por isso, é necessário acompanhar esse ritmo frenético, de algum jeito, e captar as oportunidades para realizar boas vendas. Nesse sentido, é essencial capacitar a área comercial para as mudanças constantes, bem como rever as propostas apresentadas aos clientes. Essas peças fundamentais precisam ser revisadas, atualizadas, para que as suas revendas caminhem lado a lado com as inovações do mercado.

Confira alguns cursos voltados a otimização das vendas para a área comercial:

4. Pesquisar a região onde atua

Outra estratégia indispensável para o revendedor de equipamentos de energia solar é ficar atento ao mercado onde está atuando. Portanto, é necessário analisar o cenário desse mercado, verificar se ele está em ascensão, se há investimentos e quem são os concorrentes.

Importante conhecer a fundo qual o perfil do público-alvo: hábitos de consumo, aspectos comportamentais, estilo de vida, escolaridade, faixa etária, características socioeconômicas etc. Quanto mais dados você puder reunir a respeito do ambiente para o qual você oferece o seu produto, mais estratégica será a sua abordagem.

Os consultores do Sebrae podem ajudá-lo a mapear essas informações e estudar seu mercado de atuação. Para saber mais, clique aqui.

5. Estruturar e rever departamentos administrativos e de obras

No setor de energia solar essas questões precisam acompanhar as necessidades do mercado e as exigências do público-alvo. Por isso, os departamentos administrativos, bem como os de obras devem estar alinhados à prioridades específicas do mercado solar. As obras, por sua vez, exigem uma estruturação adequada aos interesses e às particularidades do segmento fotovoltaico.

6. Buscar capacitação contínua

Aqui estamos falando de treinamentos na área de vendas, que são específicos para o seu nicho de atuação. Entender como apresentar um produto peculiar como o das revendas do setor solar é extremamente relevante. Afinal, energia solar, para muitos, é uma novidade recém saída do forno.

Assim sendo, além de conhecer profundamente o produto que você oferece, é necessário ficar “afiado” nas técnicas de prospecção e negociação. E, isso deve ser feito continuamente, afinal, o consumidor está sempre evoluindo e cada dia mais rápido.

O Canal Solar oferece cursos técnicos e de negócios específicos para o setor fotovoltaico. Conheça os detalhes.

7. Pensar na jornada do cliente

Hoje, muito se fala em jornada de compra do cliente, que está intimamente ligada à jornada de vendas. É o caminho que um consumidor transpõe desde o seu primeiro contato com a marca até a compra propriamente dita.

A jornada percorrida pelo cliente precisa ser acompanhada do projeto à instalação. Durante o percurso, ela deve proporcionar uma experiência diferenciada no que se refere à energia solar. Lembre-se de que você está apresentando um produto, de certo modo, peculiar e a maioria das pessoas ainda não está familiarizada com os detalhes.

Cada uma das etapas que compõem esse caminho exigem ações específicas, construídas por estratégias conectadas a elas. São táticas de diversas naturezas, como marketing, vendas, foco no aumento da produtividade, relacionamento com o cliente e outras.

Criar métodos eficazes para bons resultados com as revendas do setor solar pode ser desafiador até mesmo nas mãos de empresas muito experientes. A mudança do comportamento do consumidor, nos últimos anos, foi surpreendente. Eles são mais exigentes, informados, conscientes e realistas. Além disso, cada tipo de produto requer uma dinâmica de compra e venda diferente.

Para saber mais sobre como colocar os clientes em primeiro lugar, confira a lista de 5 livros sobre a filosofia do Customer Success, indicados pela Endeavor. A ONG tem como missão multiplicar o poder de transformação dos empreendedores.

Para um 2021 de sucesso nos negócios

Da mesma forma, as revendas do setor solar precisam desenvolver suas próprias abordagens, enquanto se preparam para uma forte retomada em 2021. Esteja consciente de que os desafios sempre aparecem como oportunidades de se reciclar e aprimorar o jeito de viver.

Para os mais otimistas, a pandemia do COVID-19 pode ser encarada dessa forma e servir como estímulo para implementar técnicas mais afinadas com a natureza. A energia solar já é um caminho seguro nessa direção e promete revolucionar o consumo de energia.

Por fim, para saber mais sobre as oportunidades de um segmento em crescimento exponencial, confira mais notícias sobre empreendedorismo e energia solar em  nosso blog!

Compartilhe:
0 comentários

Notícias relacionadas

Deixe um comentário